» Blog


23/02/2018

Inadimplência do consumidor inicia 2018 em queda, revela Serasa


Segundo estudo desenvolvido pela área de Decision Analytics da Serasa Experian, em janeiro de 2018, o número de consumidores inadimplentes no país era de 60,1 milhões. Na comparação com dezembro de 2017 (60,4 milhões), o índice teve queda de 0,5%, ou seja, a segunda consecutiva, já que em dezembro x novembro o indicador já tinha caído 1,15%. O montante alcançado pelas dívidas em janeiro deste ano foi de R$ 265,6 bilhões, com média de quatro dívidas por CPF, totalizando R$ 4.420 por pessoa.

Segundo os economistas da Serasa Experian, a queda da inadimplência dos consumidores, tanto em dezembro/17 quanto em janeiro/18, reflete a maior utilização do 13º salário na quitação das dívidas em atraso, inclusive com os consumidores aproveitando os descontos oferecidos pelos credores em feirões de renegociação de dívidas promovidos no fim do ano passado. Além disto, a manutenção da inflação e dos juros em patamares baixos e a melhora gradual na situação da renda e do emprego favorecem o recuo da inadimplência.

Informações por segmentos:

Apesar de as dívidas atrasadas com bancos e cartões de crédito terem a maior representatividade dentro do índice, a queda em janeiro deste ano foi puxada principalmente pelo segmento de Utilities (água, luz e gás), que caiu 0,5 p.p em relação a dezembro de 2017.

A maior concentração dos negativados está no gênero masculino, que representa 50,9% dos inadimplentes. As pessoas com idade entre 41 e 50 anos representam a maior parte (19,6% do total) dos consumidores com débitos vencidos. Em segundo lugar no ranking de participação entre os inadimplentes estão os jovens de 18 a 25 anos, que respondem por 14,4% do total.


Veja também:


21/05/2018

» Feira Brasileira do Varejo apresenta tendências e debate o futuro do setor

21/05/2018

» Santiago se mobiliza para aquecer o inverno da comunidade

17/05/2018

» CES comemora Dia das Mães


Comentários: